|

Dave Haughey, Armen Ksajikian, Haroutune Bedelian e Angelica de la Riva; ao centro, David Chew

| Rio Cello Encounter transborda música

09/8/2017 - Por Debora Ghivelder

Evento criado pelo violoncelista David Chew chega à 23a. edição e oferece concertos espalhados pelo Rio e municípios vizinhos até dia 13. Entre as atrações, Dave Haughey, Armen Ksajikian, Haroutune Bedelian e Angelica de la Riva

 

Tudo começou com um pequeno festival em que a estrela era o violoncelo. Em sua 23a. edição, o Rio International Cello Encounter, o Rio Cello, evento capitaneado por David Chew, volta a tomar a cidade a partir deste domingo, dia 6, com estrelas internacionais e brasileiras e uma programação que se desdobra ainda em espetáculos de dança, exposições de arte, masterclasses e workshops. Tudo gratuito.

Este ano,  o Rio Cello vai homenagear os 130 anos de Heitor Villa Lobos, 120 anos de Pixinguinha, os 115 anos de Bidú Sayão e os 90 anos de Tom Jobim. Extenso, o festival desdpbra na sua pauta atrações brasileiras como Jaime Alem, Mauro Senise, Mateus Ceccato, Victor Biglione. Tutti Clássicos destaca alguns dos nomes estrangeiros que fazem a alegria da agenda deste ano. Boa parte deles já esteve presente em edições passadas do Rio Cello e se apresenta mais de uma vez nos próximos dias.

Angelica de la Riva – A soprano brasileiro-cubana radicada em Nova York, é vencedora do prêmio Mérito Cultural Carlos Gomes por seu trabalho na divulgação da musica clássica brasileira pelo mundo. Angelica protagonizou a ópera monodrama Las Horas Vacias de R. Llorca, regida por E. Plasson, no Lincoln Center e debutou recentemente na China, acompanhada pela Orquestra Sinfónica de Shenzhen. Boa chance para conferir a voz da cantora que se apresenta regularmente no Carnegie Hall em NY.

Armen Ksajikian – Vale se planejar para ouvir Ksajikian, nascido na antiga União Soviética e radicado nos Estados Unidos desde os anos 1970. Tido como um dos maiores nomes do instrumento na California, já empunhou seu cello  na criação de muita trilha de cinema – muitas centenas, cerca de 900 trilhas sonoras em variados filmes e até videogames: de Casamento Grego e Melhor é impossível a Resident Evil 5. Em 1985, Ksajikian foi convidado a atuar com Jascha Heifetz em suas aulas de mestrado e também atuou no cinema, em 1993, como motorista de limusine, no thriller de ação True Lies com Jamie Lee Curtis e Arnold Schwarzenegger.

Dave Haughey – Trilhou caminhos pouco convencionais com um instrumento para lá de convencional: Dave busca novas técnicas instrumentais, compondo peças que alcançam diferentes estilos. Ele passeia por diversos gêneros: jazz, música folclórica, música clássica, música brasileira, entre outros.

Haroutune Bedelian – Cipriota, violinista, Bedelian conquistou aos 20 anos o primeiro prêmio do Concurso de Violino da BBC e se apresentou como solista da Orquestra Sinfônica da BBC no Royal Albert Hall de Londres. Desde então, desenvolveu sólida carreira na Europa e também nos Estados Unidos. Apresentou-se no Carnegie Hall em Nova York e no Kennedy Center em Washington. Tornou-se professor na Real Academia de Londres e depois continuou sua carreira docente na Universidade da Califórnia. Estreou em Paris a Sonata para Violino de Aroutiunian e na Holanda o Prelúdio em Memória de Schostakovich para violino.

A programação completa você confere no site www.riocello.com/site_2017/programacao/